Cinema

Sobre a vida de Brigitte Bardot

A francesa Brigitte Bardot é a Marilyn Monroe européia, impossível não compará-las. Ambas foram atrizes famosas dos anos 50, e mais do que isso, eram consideradas símbolos sexuais. Elas tiveram vários casamentos e relacionamentos que não deram certo, e suas vidas pessoais foram severamente prejudicadas com a perseguição da imprensa a ponto de tentarem cometer suicídio. Infelizmente Marilyn não conseguiu escapar de seus próprios demônios, morreu por overdose de remédios. Já Brigitte, jogou tudo para o alto, largou a carreira artística e se afastou da mídia.

(mais…)

Os melhores filmes de Woody Allen

“O trabalho do artista não é sucumbir ao desespero mas achar o antídoto para o vazio da existência.”

Estes são meus filmes favoritos do cineasta, assim eu os considero os melhores filmes de Woody Allen:

1º – Noivo Neurótico, Noiva Nervosa ( 1977- Annie Hall)

annie-hall

Comédia Romântica protagonizada por Woody Allen e Diane Keaton.
Um comediante judeu se apaixona por uma cantora mais nova que ele. Pouco tempo depois de começarem a morar juntos o casal percebe a complexidade da relação. Mesmo eles gostando um do outro a relação não dá certo, por meio de terapia, eles percebem que não estão felizes e querem coisas diferentes, mas até o fim, sentem carinho um pelo outro apesar do tédio e desentendimento presente entre os dois. 
Vencedor do Oscar como Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Original e Melhor Atriz. Indicado ao Oscar de Melhor Ator.

(mais…)

Sobre a vida de Woody Allen

Allan Stewart Konigsberg nasceu no ano de 1935, em Nova Iorque, lugar em que cresceu e serviu de inspiração para seus mais importantes filmes. Hoje em dia Allan é conhecido pelo nome artístico Woody Allen o qual foi criado no início de sua carreira.

O talento para comédia o motivou a escrever para jornais e programas de rádio, a trabalhar como comediante de stand-up, e posteriormente como roteirista de programas de televisão. Sem formação acadêmica na área, o trabalho que no início era apenas para ganhar uns trocados evoluiu e o transformou em um dos mais importantes cineastas.

(mais…)

Os melhores de filmes de Marilyn Monroe

“Eu não estou interessada em dinheiro.
Eu só quero ser maravilhosa.”

Estes são meus filmes favoritos da atriz, assim eu os considero os melhores filmes de Marilyn Monroe:
1º – Quanto mais quente melhor (1959 – Some Like it Hot)

somelikeithot
Comédia musical
dirigida por Billy Wilder.
O filme conta a história de Joe e Jerry, dois músicos de Jazz que entram em briga com gângsters durante o Massacre do Dia de São Valentim em Chicago. Para fugir disso vão até uma agência de empregos e ficam sabendo de duas vagas para uma banda só de mulheres que fará shows em Miami. Eles se disfarçam de mulheres, Josephine e Daphe, e são contratados para fazerem parte do grupo. Uma das colegas do grupo é Sugar Kane (Marilyn Monroe) uma garota bonita, que adora beber, se divertir, e sonha em encontrar um marido rico. Joe acaba se apaixonando por Sugar e finge ser um milionário nas horas vagas, para atrair a afeição de Sugar.  O seu companheiro Jerry, vestido Daphne, atraiu a atenção de um milionário de verdade, que quer se casar com ela.
Recebeu seis indicações ao Oscar de 1960  e ganhou na categoria de melhor figurino.
(mais…)

Sobre a vida de Marilyn Monroe

A atriz mais sedutora que Hollywood já teve se chamava Norma Jean (nascida em 1 de junho de 1926), seu pai é desconhecido, sua mãe tinha problemas mentais e foi internada em um manicômio, por isso Norma passou sua infância e adolescência em casas adotivas onde foi abusada sexualmente diversas vezes. Possuía cabelos pretos e foi dona de casa durante seu primeiro casamento mas decidiu abandonar essa vida pois ela tinha o sonho de ser uma estrela e seu marido não queria que ela fosse atriz. No mesmo ano do divórcio, Norma assinou seu primeiro contrato com a 20th century fox, através de sua agência Blue Book. Nessa época transformaram ela em símbolo sexual, pintaram seu cabelo, criaram um nome artístico e e ela começou a aparecer em vários filme com a personagem de “loira burra e bonita”. Dez anos depois, em 1956 quando Marilyn fazia enorme sucesso, alterou seu nome legalmente.

(mais…)