Europa

Paris: Museu Picasso

Arte é uma mentira que nos permite perceber a verdade

Pablo Picasso já nasceu artista, seu pai era pintor e professor de arte e foi com ele que aprendeu os primeiros traços. Começou a fazer quadros com 7 anos e quando atingiu 13 anos já era melhor que seu pai e inaugurava sua primeira exposição. Apesar de ter nascido na Espanha, passou a maior parte de sua vida na França. Foi lá que fundou o movimento cubista junto com o artista Georges Braque, em 1909. Depois da morte de Picasso em 1973, a família doou seu acervo para o Estado, e com ele foi criado o Museu Picasso.

(mais…)

Grévin – Museu de Cera em Paris

O Museu de Cera de Paris, fica em uma área um pouco mais afastada dos outros pontos turísticos, exceto da Ópera Garnier. É possível visitar os dois no mesmo dia, e ir de um ao outro em uns 15 minutos de caminhada. Já adianto que a entrada custa muito caro, em torno de 25 euros, e não é um dos passeios mais característicos da cidade, então se você for ficar poucos dias em Paris, ou quiser economizar, pule este museu.

(mais…)

Onde fazer compras em Paris

Lush é uma loja de  cosméticos orgânicos. Eles ficaram muito famosos com a venda de shampoo sólido, que tem formato em barra, como sabonete. Além do shampoo, a Lush vende condicionador sólido, máscara de argila pro rosto e vários outros cosméticos em formatos alternativos. É uma loja bem divertida de visitar, os produtos são lindos, de boa qualidade e ainda com consciência ambiental. Já existe loja no Brasil, em São Paulo, mas alguns produtos você só encontra em Paris ou em Londres.

https://www.lush.fr/

lush-paris

(mais…)

O surreal mundo de Salvador Dalí

“O que é importante é espalhar a confusão, e não eliminá-la.”

Salvador Dali, o mestre do surrealismo, foi um artista bem excêntrico, e ele gostava e se esforçava para ser assim. Nasceu na Espanha em 1904, e estudou arte desde pequeno, tendo sua primeira exposição em 1919. Abandonou os estudos na Espanha um pouco antes de obter o diploma, dizendo que não haviam professores bons o suficiente que tivessem competência para lhe julgar. Na verdade, ele agiu dessa forma pois assim poderia continuar estudando e vivendo com o suporte financeiro de seu pai, e com isso, foi estudar em Paris.

(mais…)

Paris: Museu de Orsay

Antes de entrar no museu já se fica encantado com a beleza do prédio e o clima ao redor. Com o Rio Sena de um lado, bistrôs e cafés no estilo francês do outro, e por vezes, uma banda instrumental tocando na escadaria da entrada. Tudo isso, mais as incríveis obras das galerias, fazem o D’Orsay ser o meu museu favorito.

(mais…)

Paris: Jardim de Luxemburgo

Uma das coisas mais legais do parque, além de sua beleza, é que tem diversas cadeiras de metal disponíveis para uso. Dá para sentar e admirar o lago, ler um livro, pegar um sol, tirar uma soneca, e também fazer uma refeição ao ar livre. Andando pelo parque vemos tudo isso, nos dias bonitos ele é sempre cheio de pessoas.

(mais…)

Catacumbas de Paris

Paris, a cidade romântica e charmosa esconde túneis secretos, e não tão simpáticos, abaixo do chão. Com um trajeto de 2km e a coleção do maior ossuário do mundo, são 6 milhões de mortos, as Catacumbas de Paris fazem parte das concorridas atrações da cidade.

(mais…)

Paris: conhecendo a Eiffel Tower

O símbolo de Paris, é uma torre de ferro do século XIX, e o monumento pago mais visitado do mundo. A Torre Eiffel foi construída em homenagem aos 100 anos da Revolução Francesa.

Seu nome foi dado em reverência ao engenheiro Gustave Eiffel, quem a projetou. Foi inaugurada em 31 de março de 1889 e a construção levou 2 anos, 2 meses e 5 dias para ser finalizada. Foi a estrutura mais alta do mundo até 1930, com seus 324 metros de altura. Hoje o recorde pertence ao Burj Khalifa, de Dubai.

(mais…)