Se você adora fantasia e conhecer novos mundos através da literatura, esse post é para você. Conheça o trabalho de Patrick Rothfuss, um americano que levou 15 anos escrevendo o primeiro livro da série A Crônica do Matador do Rei. O Nome do Vento, entrou para lista dos mais vendidos do New York Times em 2007, e o segundo livro, O Temor do Sábio, chegou ao primeiro lugar da lista em 2011.

O autor teve um trajetória perspicaz, entrou na universidade de engenharia química mas achou chato. Então começou a estudar coisas aleatórias que achava interessante como filosofia, sociologia, história medieval. Após 9 anos como estudante, foi forçado a se formar. Depois de pegar o diploma em Inglês, se tornou professor. Durante todo esse tempo na universidade, ele estava planejamento a história de Kvothe, e usava suas disciplinas de estudo para aprimorar o trabalho. Depois de ter ganho a competição Escritores do Futuro (Writers of the Future), conseguiu contatos com editoras, e assim seu trabalho finalmente foi lançado.

Patrick Rothfuss

No início do primeiro livro percebi muitas semelhanças com Harry Potter. O personagem principal da Crônica do Matador de Rei é Kvothe, um jovem orfão. Seus pais foram mortos por uma terríveis vilões lendários quando este ainda era criança. Nessa época surgiu nele a curiosidade e vontade de aprender magia, assim, fez de tudo para conseguir entrar na Universidade onde poderia aprender a chamar o nome do vento e ter o domínio sobre diversas áreas ocultas. Na Universidade, ele acaba tendo uma inimizade com um colega nobre e mimado. Ah, e ele também, assim como o Harry, quer vingar a morte de seus pais, então seu maior objetivo é descobrir mais sobre quem os matou.

As semelhanças acabaram por aí. O mais interessante da história de Kvothe é que não se limita aos acontecimentos na Universidade, ele acaba se envolvendo em muitas aventuras fora dela, viaja, conhece seres mágicos, e está sempre metido em alguma situação perigosa. Ele também é muito humilde e talentoso, praticamente tudo o que ele se propõe a aprender ele se sai muito bem, principalmente na magia e na música, um de seus passatempos favoritos é tocar alaúde. Sua aptidão musical vem de suas raízes de Adena Ruh (cigano), sua família fazia parte de uma trupe que passava de cidade em cidade entretendo os habitantes.

O livro segue a história de Kvothe da infância até…., não sabemos ainda onde termina. O primeiro livro é O Nome do Vento; o segundo O Temor do Sábio; e o terceiro, As Portas de Pedra, ainda não foi lançado. Ao final do segundo livro Kvothe ainda não tinha conhecido nenhum Rei, muito menos chegado perto de matar um, então isso é uma das coisas que se espera do desfecho da trilogia. A Música do Silêncio é outro livro do autor. O livro foca na Auri, uma amiga de Kvothe, e conta um pouco mais sobre ela, sua rotina e suas manias. É bem diferente dos outros livros porque não tem nada de ação e aventura, é mais simples e intimista. 

Patrick Rothfuss já foi convidado para fazer filmes e jogos sobre seus livros, mas por enquanto ele só se interessou em fazer uma série. Em uma entrevista ele explicou que normalmente os filmes de fantasia possuem muita ação, ou uma situação específica que tem que ser resolvida. Os livros dele não são nesse estilo, são focados nos personagens e nos segredos e mistérios do mundo que ele criou. Já em uma série de TV, haverá espaço para contar toda a história como deve ser.

Apresar de eu achar que tem bastante ação nos livros, entendo que ele quer dizer. Porque a maioria das aventuras que Kvothe se mete são para ajudá-lo a crescer como pessoa ou a conseguir pequenos objetivos. Seu maior propósito, se vingar de quem matou seus pais, muitas vezes acaba sendo esquecido no meio de outras situações imediatas, como passar no exame admissional da universidade e ter dinheiro para pagar a mensalidade. A história conta com muitas aventuras inesperadas, vale a pena ser lida por todo amante da literatura fantástica.

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on Tumblr

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *