Vista lateral Notre Dame

Esta Catedral é muito especial pela energia que ela transmite. Isso é consequência de diversos detalhes da construção, os vitrais foram desenhados com o estudo da cromoterapia e do efeito da iluminação com a incidência do sol dando a sensação de purificação. Todas as proporções da construção foram feitas de acordo com o número áureo (phi = 0,618), esse cálculo é encontrado em plantas, animais, cristais, e chamado de ‘receita de Deus’ ou ‘número divino’. O piso quadriculado lembra o piso utilizado em lojas maçônicas e representa a lei hermética da polaridade, de que tudo tem o seu oposto (“O igual e o desigual são a mesma coisa. Os extremos se tocam. Todas as verdades são meias-verdades.”).

Algumas das características do estilo gótico são: arcos de ogiva, abóbodas de cruzaria, verticalismo (teto alto para sensação de proximidade com Deus) e formato de cruz na planta (corpo deitado com a cabeça no altar, os braços abertos e o corpo na nave principal). Ao contrário das igrejas romanas em que a base da construção estava nas paredes, no estilo gótico a sustentação se concentrava nas abóbadas apoiadas sobre pilastras. Dessa forma as paredes externas puderam ter vitrais que iluminam o ambiente interno.

Fachada de Notre-Dame Paris

É dedicada a Maria, mãe de Jesus, a tradução de Notre-Dame significa Nossa Senhora. Há diversos símbolos representando o gênero feminino, um deles é percebido na fachada onde tem 28 estátuas chamadas de galeria dos reis, o número 28 representa o ciclo lunar e o também o ciclo menstrual. A cada dia a iluminação da lua atinge uma das estátuas o que demonstra o conhecimento e a importância que davam para a astrologia na época da construção.

Fachada de Notre-Dame

Antes de ser erguida a catedral como conhecemos hoje, em 528 d.C. foi construído no local a primeira igreja do cristianismo em Paris chamada Basílica de Saint-Etienne. Posteriormente, uma outra igreja românica, e em 1163 foi iniciada a construção da Catedral de Notre-Dame com o intuito de ser maior, mais adequada à crescente população, acomodando até 6 mil pessoas. A construção foi concluída em 1345 com as dimensões: 130 metros de profundidade, 48 de largura e 35 de altura.

Vitrais de Notre-Dame

É considerada a ‘Bíblia de Pedra’, pois na época de sua construção a maioria das pessoas era analfabeta então o uso da imagem era muito importante. Tem tantas imagens e estátuas que chegando perto fico um pouco confusa de não saber pra onde olhar, a cada canto tem algum detalhe, um símbolo, uma representação.

Interior de Notre-Dame Paris

Um fato histórico interessante é que em 1314, o importante mestre templário Jacques de Molay foi queimado vivo, em frente à fachada ocidental de Notre-Dame. Ele e outros templários foram acusados pela Inquisição Romana de heresia, naquela época todos deveriam seguir as regras impostas pela igreja católica, a liberdade de expressão não era vista com bons olhos. A catedral também foi o local em que Joana D’Arc (chefe militar durante a Guerra dos Cem Anos) foi beatificada e canonizada em 1909, há inclusive uma estátua dela na parte interna.

Portal Notre-Dame Paris

Localiza-se no marco zero da cidade, no coração de Paris. Fica próxima à Capela Santa e Conciergerie, fiz as três visitas no mesmo dia. O melhor horário é de manhã, a partir das 8 horas, pois geralmente tem fila para entrar em Notre-Dame. A entrada é gratuita porém para subir em sua torre e ver a vista da cidade é preciso pagar 8,5 euros. Achei muito legal que na frente da Catedral tem uma arquibancada para podermos sentar e admirar a beleza dessa incrível construção, queria ficar meditando e admirando-a por horas.

É aberta diariamente das 8 às 18 horas e 45 minutos.

Para ir quem vai de metrô, a estação mais perto é a Cité.

Endereço: 6 Parvis Notre-Dame – Pl. Jean-Paul II, 75004.

http://www.notredamedeparis.fr/

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on Tumblr

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *